terça-feira, 10 de abril de 2012

Ei, sabe quando eu escrevo? Eu penso em ti. Sabe quando eu tento ser alguém melhor? Eu penso em ti, e em como o que eu sinto por ti afeta o meu ser. Sabe quando eu fujo do olhar e dou um sorriso de canto? Eu tento evitar que você saiba que eu gosto de ti, que eu ainda gosto de ti. Lembra das noites em que ficávamos procurando constelações no céu? Desde então, sempre que olho pra uma estrela me lembro do brilho dos seus olhos ao contemplar o infinito. Lembra dos dias em que ficávamos apreciando o vento e deixando ele bagunçar nosso cabelo e varrer qualquer tristeza do coração? Agora, eu só desejo que ele varra esse meu sentimento, para bem longe de mim. Não por eu ter desistido do amor, ou de gostar de ti... mas por eu não conseguir fazer mais nada direito, pelo bem da nossa amizade, pelo bem da minha parte nessa amizade. Não suporto te olhar na minha frente sem te desejar infinitamente, não suporto mais reprimir tudo isso e dissimular esse meu sentimento. Não suporto mais não conseguir levar minha vida normalmente, normalmente e sem você.

http://mundodaisis.blogspot.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá, Adoro ter você aqui!
Obrigada por comentar

Deixe seu link para retorno.